Workshop

Iniciaremos o workshop com uma investigação que pretende atingir através de estratégias estéticas, uma sensibilização para os múltiplos aspectos da paisagem. Paisagem compreendemos como forma de ambiente em que os humanos se movem, sendo assim as paisagens definidos como espaços naturais e como espaços urbanos. Aproximamos nós através de três caminhos diferentes à paisagem:

1. Movimentamo-nos dentro e por entre as diversas paisagens. Através da colheita seguramos vestígios da paisagem como registros do seu caracter. Paisagem, espaço urbano, zonas periféricas de caminhos determinados e zonas de caminhos menos determinados. Numa analise posterior estabelecemos as relações entre os lugares e os objectos. O que os objectos achados nos contam, quais são as suas histórias?

2. Como se perpassa qual paisagem? Nós anotamos o padrão dos nossos movimentos nas paisagens e investigamos a diferenças que aparecem entre as diversas paisagens, como também entre os indivíduos que neles se movem.

3. Quais movimentos e qual ritmo de movimento a paisagem nós impõe? Nós anotamos o nosso variantes de comportamento nos diferentes paisagens. Depois de uma analise extraímos daquilo coreografias individuais.

O final do workshop consiste numa situação integral e complementar entre elementos performáticos e esculturais. As mapas dos nossos movimentos transformaremos em construções tridimensionais feito de madeira e que caraterizam cada investigador como também as paisagens investigadas. Os objectos achados serão inseridos de forma dialógica em cada escultura individualmente para depois serem juntados para uma única escultura coletiva. Ao redor da escultura coletiva serão apresentados as coreografias individuais, que representarão o percurso dos movimentos e os ritmos dos movimentos determinadas pelas paisagens.

Organização e Coordenação: Bodo Rott e Dirk Michael Hennrich

Duração: 4 e 5 de Novembro / 9 e 10 de Novembro.